UM LEGADO PARA A PRÓXIMA GERAÇÃO!

16/08/2012 22:21

 

UM LEGADO PARA A PRÓXIMA GERAÇÃO!

Salmos 78.1-8
“1  Escutai, povo meu, a minha lei; prestai ouvidos às palavras da minha boca.

2   Abrirei os lábios em parábolas e publicarei enigmas dos tempos antigos.

3   O que ouvimos e aprendemos, o que nos contaram nossos pais,

4   não o encobriremos a seus filhos; contaremos à vindoura geração os louvores do SENHOR, e o seu poder, e as maravilhas que fez.

5   Ele estabeleceu um testemunho em Jacó, e instituiu uma lei em Israel, e ordenou a nossos pais que os transmitissem a seus filhos,

6   a fim de que a nova geração os conhecesse, filhos que ainda hão de nascer se levantassem e por sua vez os referissem aos seus descendentes;

7   para que pusessem em Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, mas lhe observassem os mandamentos;

8   e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus.”

 

 

Introdução: Certo jovem todos os dias observava da janela da sua casa um senhor de idade avançada que cuidada diariamente de alguns pés de jaboticaba plantados no seu quintal. Sabendo que a jaboticabeira é uma árvore que leva cerca de vinte anos para dar os primeiros frutos, ele olhava para o velho penalizado, porque pelos seus cálculos o que ele estava fazendo era uma perda de tempo. Tanto investimento e provavelmente ele jamais comeria qualquer fruto daquela árvore.

            Incomodado com a persistência do velhinho, aquele jovem resolve ir até ele para conversar:

            - Vejo que o senhor cuida todos os dias dessas jaboticabeiras!

            - É verdade!

            - O senhor sabe quanto tempo ela dará os primeiros frutos?

            - Exatamente não! Mas sei que não posso esperar nenhum fruto antes que ela complete vinte anos.

            - E o senhor espera comer jaboticabas dessas jaboticabeiras?

            - Eu não estou plantando para mim. Estou plantando para os meus netos!

 

            Nós  precisamos enxergar um pouco além de nós mesmos. Precisamos ter o coração para a próxima geração.  Precisamos fazer algo hoje, para deixar uma herança para aqueles que virão depois de nós.

 

             Esse Salmo de Asafe é uma ordem que Deus deu a o seu povo. O verso cinco diz que ele estabeleceu um testemunho em Jacó e instituiu uma lei em Israel e deu uma ordem aos pais. Que testemunho foi esse? Qual foi a lei? E a ordem o texto se refere? De que aquela geração deixasse uma herança para outra geração.

            Deus não queria que as próximas gerações seguissem o exemplo negativo das gerações passadas. Então ele convoca a geração presente a deixar um testemunho, um ensino uma herança que pudesse perpetuar o conhecimento de Deus nas gerações vindouras.

            Esse apelo é para nós também. Nós temos a mesma responsabilidade diante de Deus de deixar uma herança através da nossa vida, da nossa experiência com Deus, uma herança espiritual que vai assegurar que as próximas gerações continuarão servindo e seguindo ao Senhor.

            Portanto, o que devemos deixar para a próxima geração?

 

F.T.: Temos que deixar para a próxima geração...

I – UM EXEMPLO DE CONFIANÇA EM DEUS(Vv. 6,7)

     1.1. Senão observe o que nos diz os versos 6,7:a fim de que a nova geração os conhecesse, filhos que ainda hão de nascer se levantassem e por sua vez os referissem aos seus descendentes; 7   para que PUSESSEM EM DEUS A SUA CONFIANÇA.

     1.2. Nós vivemos no meio de uma geração que acredita em tantas coisas absurdas, mas não acredita em Deus. As pessoas acreditam em horóscopo, acreditam em superstições, acreditam em duendes, em cristais em fantasma mas acreditam pouco em Deus.

     1.3. Muitas crianças crescem acreditando em mula sem cabeça, em papai Noel em coelhinho da páscoa em bruxa, no gênio da lâmpada. Porque as escolas ensinam isso, muitos pais ensinam isso. Mas quem se preocupa em ensinar a confiar em Deus?

·       Deus está convocando uma geração que se coloque como modelo, com exemplo e homens e mulheres que acreditem em Deus! Que ponham eM Deus a sua confiança. Para que fique um modelo, um testemunho, um exemplo de alguém que confia no Senhor.

1.3. Nesse sentido o nosso desafio é duplo:

a) Primeiro precisamos deixar um testemunho para que a próxima geração creia em Deus: Se não testemunharmos a nossa fé de maneira proposital, corremos o risco de ter uma geração cada vez mais cética, mais ateia, mais distante de Deus.

b) Segundo precisamos deixar um testemunho para a próxima geração creia no poder de Deus: Nós precisamos ter mais experiências espirituais com o poder de Deus. Experiências de milagres para deixar um modelo para a próxima geração.

* Se nós hoje não aplicarmos fé para milagres, aproxima geração será uma geração natural. Precisamos crer mais. Precisamos que os nossos filhos vejam em nossa vida um modelo de homens de fé.

* A fé que nós temos não pode ser apenas teoria. Tem que virar experiência na nossa vida. Senão vira discursos vazio.

 

F.T.: Temos que deixar para a próxima geração...

II – UM EXEMPLO DE OBEDIÊNCIA A DEUS(V.7)

      2.1. Veja o que nos diz o verso 7: “para que pusessem em Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, MAS LHE OBSERVASSEM OS MANDAMENTOS.”

     2.2. A segunda herança que precisamos deixar para a próxima geração é o exemplo de obediência a Deus. Se nós não nos dispusermos hoje a obedecer a Deus, a próxima geração vai achar que não vale a pena obedecer.

     2.3. Isso é muito importante. Porque nós fazemos parte de uma geração que não gosta de obedecer, que questiona tudo: os valores, os princípios, as direções que são dadas. Via de regra, as pessoas fazem o que querem e não o que é certo.

Ilust.

É muito comum nos programas de televisão quando alguém fala acerca de separação, de homossexualismo ou algum tipo de atitude que não é convencional  mas que a pessoa decidiu para sua vida o entrevistador perguntar:

- Você está se sentindo bem?

Se a pessoa responde, Sim, o entrevistador completa!

- Se você está se sentindo bem, é isso que importa!

 

·        Essa é a mentalidade do mundo hoje: Se você fez algo errado, mas está se sentindo bem consigo mesmo, é isso que importa”.

·        Então as pessoas não querem mais obedecer. Não estão mais preocupados em fazer o que é certo, mas o que as fazem sentir-se bem.

Eu fico imaginando se quando Deus pediu Isaac a Abraão, ou quando Deus mandou Abraão deixar sua parentela e sua terra e ir para uma terra que ele não conhecia Abraão não tivesse obedecido. E hoje ele fosse ser entrevistado em um desses programas de TV. Então alguém lhe perguntaria:

- É verdade que Deus pediu para você sacrificar o seu filho?

- Sim.

- E você fez?

- Jamais. Realmente eu não senti que eu deveria fazer isso!

- E você está feliz?

- sim

- Então isso é o que importa!

 

Ou quem sabe. Alguém encontrando Jonas depois que ele desobedeceu a Deus e perguntando:

- Você não quis ir para Nínive?

- Não!

- E você está feliz! Então é isso que importa!

 

 

·       A nossa geração não quer obedecer, que fazer aquilo que acha melhor. E Deus precisa levantar entre nós homens que sejam referenciais. Homens do mesmo tipo de Abraão, que muitas vezes não entendeu, mas mesmo assim obedeceu!

·       O alvo de Deus é que a geração de hoje estimule a próxima geração a observar os mandamentos do Senhor.

·       Nós não podemos pactuar com essa geração rebelde e insubmissão que se recusa a obedecer ao Senhor.

·        Temos que marcar a próxima geração com o princípio da obediência!

·       Que as crianças de hoje olhe para nós e fale acerca da nossa obediência. Que fomos homens e mulheres que obsevavam os mandamentos do Senhor.

 

F.T.: Temos que deixar para a próxima geração...

III – UM EXEMPLO DE CONSTÂNCIA(V.8)

      3.1. O verso 8 diz que as gerações não deveriam herdar o exemplo dos que vieram antes de tiveram um coração inconstante. V.8:e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante.”

     3.2. Inconstância é uma característica da nossa geração de não ir até o final em nada. Todo mundo começa, mas poucos de fato perseveram até o final.

     3.3. É difícil você encontrar alguém que está por anos a foi fazendo a mesma coisa. Em geral quando você conversa com as pessoas elas estão sempre começando algo.

·       As pessoas não são constantes nos estudos. Não são constantes no casamento. Não são constantes nos relacionamentos. Não são constantes na profissão e também não são constantes na fé.

·       Eu creio que nesse texto Deus estava se referindo a fé do povo. O povo oscilava muito entre crer e obedecer a Deus. Hora eles gritavam: “O que tu disseres nós faremos”. Hora diziam: “ Por que nos tirastes do Egito?”

·       Era um povo que não sabia ao certo  o que queria fazer da vida. Teve momentos que Josué, e mais tarde Elias tiveram que confrontar o povo dizendo: “Vocês tem que escolher a quem você s vão servir”. Porque um dia vocês vêm sacrificam a Deus, outros vocês se prostram diante de Baal...!

·       Portanto, nós precisamos ter essa preocupação de deixar o exemplo de CONSTÂNCIA para a próxima geração. Que nós sejamos modelo de pessoas que têm uma fé firme que não vai se diluindo com o passar do tempo, mas pelo contrário, que vá se fortalecendo!

·       Temos que deixar essa herança, esse legado, esse referencial de uma fé firme e constante em Deus!

·       Que os nossos filhos depois de nos observarem por anos, possam ter segurança para servir a Deus. Porque um dos papéis do pai e dar segurança para os filhos!

 

F.T.: Temos que deixar para a próxima geração...

IV – UM EXEMPLO DE FIDELIDADE:

       4.1. Veja o que nos diz o verso 8: “e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus.”

       4.2. Precisamos falar um pouco sobre a fidelidade. Porque se nós formos uma geração infiel. Nossos filhos seguirão nosso exemplo.

       4.3. A infidelidade é também reflexo da ingratidão do coração. Nós vemos no Antigo Testamento que  Deus dava tudo ao povo mas o povo sempre caminhava no caminho da infidelidade.

       4.3. E no Salmo 78, Deus convoca a geração presente a estabelecer um modelo, para que as gerações futuras não sigam no caminho de infidelidade do passado. 

·       Não tem sido muito diferente nos nossos dias! Na hora do aperto as pessoas fazem votos a Deus, fazem juras de amor. Prometem mundos e fundos. Mas quando são abençoadas esquecem-se completamente de Deus!

·       No que tange ao dinheiro, a gente vê que as pessoas colocam dinheiro em tantas coisas. Elas gastam sem pena quando vão ao shopping, quando viajam, quando querem comemorar uma vitória. Mas retorna muito pouco para Deus.

·       Você precisa saber que se você hoje for fiel, a geração que vai sair de você vai usufruir das bênçãos da sua fidelidade. Mas se você for infiel, além de não deixar bênção, você deixará um legado de infidelidade.

·       Não adianta a gente deixar livros escritos, e mensagens gravadas sobre fidelidade se a nossa vida não for um modelo de fidelidade. Pois como diz o ditado: “AS PALAVRAS  CONVENCEM MAS OS EXEMPLOS ARRASTAM”

·       A próxima geração precisa entender pelo nosso exemplo que vale a pena ser dizimista. Que vale a pena sustentar a obra de Deus. Que vale a pena investir no reino de Deus.

·       Precisamos marcar a próxima geração com o modelo de fidelidade!

 

 

Conclusão: Precisamos que todos se posicionem para marcar, influenciar e deixar uma herança para a próxima geração. Mas hoje, eu quero fazer um desafio direto aos pais. Qual o legado que você deixará para a próxima geração?

            Que você possa deixar um legado de CONFIANÇA – OBEDIÊNCIA – COSNTÂNCIA e FIDELIDADE.

            Eu quero finalizar essa mensagem deixando um desafio para você através de um pequeno vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=UBV5vaetTp8&feature=youtu.be